Coleta e envio de materiais

PROCEDIMENTOS PARA COLETA E ENVIO DE CARRAPATOS AO LABORATÓRIO

A escolha de um carrapaticida que combata os carrapatos dos bovinos é a principal preocupação dos produtores. Esta escolha deve ser feita por meio de testes específicos, uma vez que, embora os carrapatos sejam da mesma espécie, cada propriedade possui uma população diferente de carrapatos, selecionada de acordo com os produtos químicos com os quais teve contato.

Como proceder então para fazer este teste e garantir a eficácia do mesmo:

  •  Deixe dois ou três animais sem tratamento carrapaticida por pelo menos 25 dias, se na propriedade for usado um produto que age por contato (banho de aspersão), ou 35 dias, se o carrapaticida em uso é sistêmico do tipo pour on ou injetável. Este cuidado é necessário para que os carrapatos não contenham resíduo de carrapaticidas;
  • Colete uma grande quantidade de carrapatos (200 unidades), somente as fêmeas grandes e repletas de sangue, conhecidas como “mamonas” ou “jabuticabas”. A melhor hora para coleta é no período da manhã onde os animais possuem a maior infestação por este tipo de carrapato;
   Foto: Renato Andreotti
Fêmea ingurgitada de Rhipicephalus (Boophilus) microplus, teleógina.
  • Acondicione em potes de plástico ou caixas de papelão, com orifícios que permitam a respiração dos carrapatos, sem que ocorra fuga destes;
  • Identifique o material, informando nome do proprietário, propriedade, nome do assentamento, município da propriedade, endereço e telefone para envio dos resultados.

É importante que o material seja enviado no início da semana (segunda à quarta – feira) e que o tempo entre a coleta e o envio seja o menor possível. O ideal é coletar e enviar no mesmo dia, mas pode ser feito no dia seguinte, mantendo os carrapatos, devidamente acondicionados, na parte inferior da geladeira. Para o envio não é necessário colocar gelo no material.
Com 35 a 40 dias os resultados estão prontos e são válidos apenas para a propriedade onde foi realizada a coleta dos carrapatos. O ideal é que o teste seja realizado anualmente, de preferência nos últimos meses do ano, para que na época da implantação de um controle estratégico saiba-se o melhor produto a ser utilizado.
No entanto, a determinação do carrapaticida mais adequado para uma propriedade deve ser acompanhada de informações sobre a melhor época para se combater o carrapato, como preparar e aplicar o carrapaticida de forma adequada. Com estes três procedimentos: determinação do produto apropriado, aplicação no momento certo e de forma correta é possível manter os carrapatos sob controle, reduzindo os prejuízos causados por estes parasitas.

FICHA DE IDENTIFICAÇÃO DA AMOSTRA
(Baixe a Ficha e envie com a amostra)